Conheça o nosso catálogo de produtos

GESTAS DOS CONDES DE BARCELONA E REIS DE ARAGÃO

Dê Sua Opinião Sobre o Produto

Disponível: Em estoque

R$21,00

Resumo

A tradução das Gestas dos condes de Barcelona e reis de Aragão (Gestes dels comtes de Barcelona i reis d’Aragó) apresenta em seu conteúdo a história da formação do condado de Barcelona desde a sua criação até o reinado de Jaime I de Aragão (1213-1276). De acordo com o prólogo das Gestas, pode-se afirmar que são quatro seus objetivos: 1) comentar sobre o primeiro conde de Barcelona, principalmente as histórias que serviram para formar sua legenda; 2) explicar a reunião dos condados que faziam parte do território da Marca Hispânica e apresentar todos os condes que neles reinaram; 3) explicar a união do reino de Aragão com o condado de Barcelona e 4) narrar todos os feitos realizados pelos condes e condes-reis desta dinastia.

GESTAS DOS CONDES DE BARCELONA E REIS DE ARAGÃO

Mais Imagens

Detalhes

A tradução das Gestas dos condes de Barcelona e reis de Aragão (Gestes dels comtes de Barcelona i reis d’Aragó) apresenta em seu conteúdo a história da formação do condado de Barcelona desde a sua criação até o reinado de Jaime I de Aragão (1213-1276). Além disso, aborda um período histórico de mais de 400 anos (sécs. IX-XIII) e discorre sobre diversos acontecimentos, como a antiga vinculação dos condes ao Império Carolíngio, a criação da Marca Hispânica, o processo de independência política e formação dinástica, as lutas contra os muçulmanos que ocupavam a maior parte da Península Ibérica, o processo de expansão territorial e a união dinástica dos condes de Barcelona com os reis de Aragão. Composto no final do período da historiografia catalã conhecido como primitivo ou condal, este documento descreve o passado da dinastia dos condes de Barcelona. De acordo com o prólogo das Gestas, pode-se afirmar que são quatro seus objetivos: 1) comentar sobre o primeiro conde de Barcelona, principalmente as histórias que serviram para formar sua legenda; 2) explicar a reunião dos condados que faziam parte do território da Marca Hispânica e apresentar todos os condes que neles reinaram; 3) explicar a união do reino de Aragão com o condado de Barcelona e 4) narrar todos os feitos realizados pelos condes e condes-reis desta dinastia. Ao contextualizar as Gestas de acordo com o seu entorno histórico, político e cultural de composição pode-se afirmar que as mesmas foram compostas em um momento em que o sentimento de pertencer a um território contava mais que qualquer outra manifestação de poder. A busca pela origem da dinastia significava a busca pela autenticidade da origem e pela desvinculação de qualquer influência de outro contexto dinástico.

Informação Adicional

Título GESTAS DOS CONDES DE BARCELONA E REIS DE ARAGÃO
Subtítulo Não
Autores Não
Sinopse

A tradução das Gestas dos condes de Barcelona e reis de Aragão (Gestes dels comtes de Barcelona i reis d’Aragó) apresenta em seu conteúdo a história da formação do condado de Barcelona desde a sua criação até o reinado de Jaime I de Aragão (1213-1276). Além disso, aborda um período histórico de mais de 400 anos (sécs. IX-XIII) e discorre sobre diversos acontecimentos, como a antiga vinculação dos condes ao Império Carolíngio, a criação da Marca Hispânica, o processo de independência política e formação dinástica, as lutas contra os muçulmanos que ocupavam a maior parte da Península Ibérica, o processo de expansão territorial e a união dinástica dos condes de Barcelona com os reis de Aragão. Composto no final do período da historiografia catalã conhecido como primitivo ou condal, este documento descreve o passado da dinastia dos condes de Barcelona. De acordo com o prólogo das Gestas, pode-se afirmar que são quatro seus objetivos: 1) comentar sobre o primeiro conde de Barcelona, principalmente as histórias que serviram para formar sua legenda; 2) explicar a reunião dos condados que faziam parte do território da Marca Hispânica e apresentar todos os condes que neles reinaram; 3) explicar a união do reino de Aragão com o condado de Barcelona e 4) narrar todos os feitos realizados pelos condes e condes-reis desta dinastia. Ao contextualizar as Gestas de acordo com o seu entorno histórico, político e cultural de composição pode-se afirmar que as mesmas foram compostas em um momento em que o sentimento de pertencer a um território contava mais que qualquer outra manifestação de poder. A busca pela origem da dinastia significava a busca pela autenticidade da origem e pela desvinculação de qualquer influência de outro contexto dinástico.

Nome da Coleção Catalunha
Editora Instituto Brasileiro de Filosofia e Ciência "Raimundo Lúlio" (Ramon Llull)
Número de páginas 90
ISBN do Livro 978-85-89294-58-4
Encadernação Brochura
Peso 0.2000
Dimensões do Produto 14x21
Ano da Edição 2013
Idioma Português

Tags do Produto

Use espaços para separar as Tags. E aspas simples (') para frases.